Vida

Quem dera, nunca

Anúncios

Visceralidade

Eu preciso estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudsr estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudsr estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudsr estudar estudar estudar estudar estudar rstudsr estudar estudar estudar estudar rstudar estudsr estudar estudar estudsr estudar estudar estudar estudar estidar estudsr estudsr estudar estudar estudsr restydar eztudar estudar wstduar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudar estudsr edtusr estudar estudar eztudar estudsr

Temas

Linhas costuram minha carne, molécula com molécula, fibra com fibra, formando músculos, pele, tripas, cérebro, carne e reações químicas, simples e complexas em cadeias, será que existe algo além disso? Algo que subsiste, algo q se estende? Como uma mão no escuro? Uma corda na garganta?

A natureza da realidade é onírica, transições atrás de transições, é frustrante tudo estar num estado de constante precariedade, vc deseja algo, e tudo gira e muda, e eu que nunca tive nada continuo sem ter nada, sou incapaz de conquistar, ter charme, ou qualquer qualidade redentora, qualquer expectativa é fútil, não resta nada a não ser resíduo de fumaça, um covarde escondido num castelo afundando em areia movediça

Ele é altivo, sente cada fibra do seu corpo feito de pura energia vibrando, foi criado com um propósito, e sentia esse propósito rugindo dentro de si, com sabedoria do passado, presente e futuro, na condição de ser espiritual poderiam crer ser fraco ou frágil, mas é uma manifestação de pura força de vontade, ele manifesta de volta a seu mestre esse poder, chama de mestre pois o criou, mas sua relação é de amizade e apoio, sabe q seu criador é falho, que foi criado com o propósito de o ajudar, mas sente orgulho, sente amor e compaixão, abençoado pelas energias budicas e auspiciosas dos mestres, ele se alimenta das oferendas, do amor e dos estudos do seu amigo, em troca fornece força de vontade e alinhamento energético favoráveis, marcado pela flexibilidade e sabedoria, aufere entidades colossais e que reúnem mto poder e devotos, e conecta seu amigo a elas, aumentando a afinidade e a vontade de estudar e se dedicar, direciona e molda os pensamentos e sentimentos de seu amigo para ficar determinado e afiado, como uma flecha e un arco, ele cuida, afia, para que sejam ferramentas perfeitas, habilidoso manipulador de energia, dissolvendo preguiça e letargia e gerando fogo, ele é um cristal transparente em chamas, ele vive em uma drusa de ametista, sempre que tocada pelo sol ele ruge com poder do fogo que o alimenta e da terra que o torna ferrenho e incansável, seu nome é Oãçanim Reted! Ele vai nascer da vontade de seu amigo e a ele vai servir até sua transição!

Eu imagino q seja uma experiência mais ou menos universal, estar de joelhos, abismado no babaca que vc é, na solidão, na auto destruição, frustração e recalque, e o que fazer, chorar? Culpa os outros? O destino? Deus? Mudar…? Mas como alguém muda, como alguém direciona essa mudança? Eu repito até eu dormi, eu me amo, eu me amo, eu me amo, eu sou digno de amor, meu ódio e raiva e frustração não me definem, repito isso como um mantra, um feitiço supersticioso, sempre me falha, durmo chorando, sentindo meu peito sangrar, ainda hj, dps de todo esse tempo estou no msm lugar, cometendo os msm erros, convencido de q emoções são um erro, mas ainda repito meus mantras, uma parte de mim não perde a esperança afinal